PATROCINADORES
PARCERIAS E AFINIDADES














Tempo




MAIS SOROCABA

TODOS OS VÍDEOS - VERSÃO ESCRITA DOS VÍDEOS DA EDIÇÃO - MENSAGENS DOS LEITORES  

 

VÍDEOS         

VERSÃO ESCRITA DOS VÍDEOS DA EDIÇÃO

RENOVEI O PEDIDO DE METAS DE GOVERNO

 

Já fiz o pedido a Crespo mas não tive resposta. Pedi que informasse suas metas de governo. O que se tem conhecimento é de um plano genérico de governo apresentado à Justiça eleitoral na época da campanha. Além disso, todos se lembram do caminhão de promessas que ele apresentou pela TV para vencer Raul Marcelo. Mas isso, todos também sabem, foi propaganda eleitoral como em toda eleição acontece. Agora é hora de apresentar metas concretas. E conferíveis. Renovei meu pedido a Crespo.

Até a próxima

HÉLIO MAURO SILVA BRASILEIRO

O vereador Hélio Mauro Silva Brasileiro apresentou projeto de lei que obriga estabelecimentos públicos e privados que oferecem serviço de radiodiagnóstico por imagem a oferecerem colete ou avental de chumbo a acompanhantes de pacientes quando expostos à radiação.

            Os regramentos para a proteção contra radiações já existem, são federais e afetos à Vigilância Sanitária. Não é assunto municipal. O projeto é inadequado.

Até a próxima

IARA BERNARDI

A vereadora Iara Bernardi propôs, por projeto de lei, que a identificação de servidores públicos travestis, mulheres trans e homens trans possa ser por seu nome social e não pelo nome civil.

            A identificação de uma pessoa é feita por sua certidão de nascimento. De outro lado, qualquer cidadão poderá alterar oficialmente seu nome na certidão. Os servidores que quiserem fazer a mudança devem procedê-la por processo regular de retificação de nome junto ao Poder Judiciário. O projeto é inadequado.

Até a próxima

LUIZ SANTOS

O vereador Luiz Santos apresentou projeto de lei estabelecendo o dia 15 de junho como o Dia de Informação, Conscientização e Combate à Violência Contra a Pessoa Idosa. As autoridades municipais, na data, poderão promover ações educativas e preventivas relacionadas. O projeto não impõe ao Executivo a obrigação de promover ações mas está implícita essa necessidade. Se o Executivo não promover nada, fica claro que a instituição da data não servirá para nada. O respeito aos idosos deve ser coisa de todo dia e sem a intromissão do Poder Público. O projeto é inadequado.

Até a próxima

 

 

MENSAGENS DOS LEITORES

FUNÇÕES, SÓ QUANDO SUBSTITUIR O TITULAR

07/08/17

Precisamos pelo menos acabar com o Instituto do VICE. Qto mal faz essa figura SEM NADA acrescentar ao país. E não  tem a mínima necessidade de existir. Att.

                 Osnir G. Santa Rosa – São Paulo, SP

 

 

 

Página para Impressão Envie esta página para um amigo!



 
copyright (c) 2006 by Jornal Acorda Brasil // José Roberto Doubek Lopes ME // CNPJ - 07.793.117/0001-19 - IM - 10.224 – Piedade, SP
Contato: e-mail: contato@jornalacordabrasil.com.br || Fone: (15)99739-2480