PATROCINADORES
PARCERIAS E AFINIDADES
Tempo




 Anselmo Rolim Neto

Prefeito existe para tomar conta da cidade

Efeito prático algum

Não sei a finalidade

Não tem o menor sentido

Hino da Internacional Comunista

Repensar imunidades

Procedimento

Faculdade não pode ser para todo mundo

Nunca acontece

Não é preciso dia

Não é caso de indicação

Pretensão impossível

A obsessão de lei para tudo

Protecionismo

Vício de iniciativa


 Antônio Carlos Silvano Júnior

Fiscal não faz pedidos

Fiscalização deficiente

Quer demais

Perguntas indevidas

Fazendo as vezes de serviçal da Prefeitura

Inadequado

Muito menos, impor gastos

E se for de seu interesse

Dever de cidadania

Não servir para isso

Município não tem poder

Processamento público inadequado

Sinalização de solo

Fiação subterrânea obrigatória


 Cíntia de Almeida

Duas coisas erradas

Iniciativa deve ser do prefeito

O assunto é operacional

 Fausto Salvador Peres

Espero nunca se concretize

12 indicações em 2 dias

Só para agradar moradores

Dando ordens ao prefeito

Tapação de buraco

Acabará não adiantando nada

O Executivo não é subordinado à Câmara

Incentivos indevidos

Recuperação asfáltica

Infeliz mania

Do dinheiro que todos pagam

Sem custo algum

Entrar na seara do outro

Satisfazer determinados moradores

Deixar para o mercado

Vício de iniciativa

Não é atribuição do Legislativo

A população toda pagará


 Fernanda Schlic Garcia

Sem a especificação dos danos

Custos e fraudes

Crítica e não pedido

Superlotando o calendário

Interferência indevida

Obrigando Executivo e Legislativo

Vereador não é prefeito

Dando ordens ao Executivo

Invadindo seara alheia

Independência de poderes por água abaixo

Falta de competência legislativa

Propositura desnecessária

Desnecessária

Não importa

Para o prefeito cumprir

Nunca deveria meter-se

Indevidos e não vão resolver

Lesbofobia, homofobia, bifobia e transfobia

Assunto estritamente de gestão

Em todos os bairros

Já há regramentos

Monitoramento eletrônico de agressor

Cada qual deve pagar

Os regramentos já existem


 Fernando Alves Lisboa Dini

Insignificante

Gratuidade não existe

Não precisa de vereador

Impondo obrigações

Protegendo em vez de proibir

Procuradores e faxineiras desprezados

Ninguém pode ficar isento

Autoriza e impõe

Banheiros para deficientes

Não sei para que isso

Não sei a troco do que

Assunto de gestão

Imposição indevida

É ato de gestão

Regime jurídico dos servidores

Não entendi o porquê

Sem falar do custo

Dia e Semana do Tiro de Guerra


 Francisco França da Silva

Sem contar suposto interesse eleitoreiro

Protestar

Três em seguida

Prefeito amarrado

Crítica no lugar de pedido

Para garantir 342 empregos

Ninguém vai consultar o site

Protesto no lugar

Serviçal da Prefeitura

Não é isso

Isenção indevida

Fogem da competência legislativa


 Hélio Mauro Silva Brasileiro

Não em favor de determinado munícipe

Não precisa de dia

Desnecessário

Em vez de protestar

Semana imprópria

Competência não é da Câmara

Não vai conscientizar ninguém

Regramento desnecessário

Controle de som de aparelho de senha

Vício de iniciativa

Precisa de vereador parrudo

Não cabe ao Legislativo

Proibição e permissão indevidas

Gestor é o prefeito

Ambulatórios em escolas superiores

O País poderia estar salvo

O assunto não é municipal

Prefeito não precisa de autorização

Símbolo em todo lugar

Melhor aguardar planejamento


 Hudson Pessini

Melhor cobrar

Já há regramentos

Cipoal de regras

Simples sugestão

Solução por técnicos

Obrigações para os outros cumprirem

O engano da aferição de desempenho

Programa Mais Creche

Imposição de obrigação já regrada

Calçadas do centro

Conteiners

Fiscal reclama

Ideias escolares

Repetição

Desnecessário e inconveniente

Protestar em vez de pedir

Fiscalizar não é isso

Não terá cabimento

Autorização desnecessária

Lei de proteção imprópria

Planejamento

Questionamento inadequado

 Iara Bernardi

Desnecessário

Já há lei regrando

Prefeito um boneco

Ninguém fala em prevenir

Pedidos picados

Atender eleitores

Travestis e mulheres e homens trans

Nada de subsídio

Invasão de competência

Vereador é legislador

Estímulo a ocupações irregulares

Recapeamento

7 coelhos


 Irineu Donizeti de Toledo

Desvio de função

Só agrado para eleitores

Autorizando fechamento

Ao sabor de pedidos

Misturando as coisas

Beneficiários precisam pagar

Nem uma coisa nem outra

Crítica ao prefeito

No lugar, Moção de Protesto

Procedimento fácil

Críticas por falhas de gestão

Críticas por falhas de serviço


 João Donizeti Silvestre

Completamente inadequada

Não é fiscalizar

Iniciativa deve ser do Executivo

Fazendo as vezes de serviçal

Viver de recursos privados

Perdeu uma grande oportunidade

Os próprios moradores e a indicação do vereador

Vereadores são servidores caros

Moradores errados e vereador também

Foguete que já estourou

Conselho Municipal inadequado

Autorização desnecessária

Nada com a função

Protesto em vez de pedido

Cumprimento de obrigação

Vereador não é serviçal da Prefeitura

Sempre roçada e limpa

Nem uma coisa nem outra

Oportunidade perdida

Não é papel de vereador

Estendendo o direito à isenção

Crespo não pediu e não precisaria pedir

Aguardar o planejamento


 João Paulo Nogueira Miranda

Impossível fiscalização

Cunho político

A obsessão deve ser outra

Coworking e taxa módica

Juízo arbitral

Iniciativa deve ser do Executivo

Errado

Nunca obrigar a Prefeitura

 José Apolo da Silva

Não é trabalho de vereador

Já tem nome

Muito distante

Assunto é de gestão

Crítica por desídia

Cunho religioso

Partir direto para a reclamação

Imposição indevida

Não é preciso dia

Mudando o lugar da sujeira

Não foram feitos para isso

Pedidos picados

Assunto de gestão

Semana imposta

Faculdade não pode ser para todo mundo

 José  Francisco Martinez

Obrigação da Prefeitura

Poda de árvore

Não tem o menor cabimento

Requerimento desnecessário

Parâmetro precisa ser revisto

Semana Municipal de Combate às Drogas e Álcool

Não é assunto legislativo

Vício de iniciativa

Coisa bem diferente

Vício de iniciativa

Sem pergunta alguma

Nome para escola

Poda de árvore

Denominação de UBS

Transferência imprópria


 Luis Santos Pereira Filho

SAMU animal

Protesto e não indicações

Café especiaL obrigatório

Razões insuficientes

Esquecer o currículo

Vereador não foi feito para isso

Projeto desnecessário

Já é proibido

Habilitação para receber verbas

Anulando proibição indevida

Não é preciso dia

Proteção já garantida

Não garante nada

Serviçal da Prefeitura

Tapa buraco

Sem a intromissão do Poder Público

Faculdade não pode ser para todo mundo


 Mário Marte Marinho Júnior

Vício de iniciativa

Reivindicação salarial

Falta de dotação orçamentária

 Péricles Régis Mendonça de Lima

Não precisa de lei nenhuma

Crítica em vez de pedido

Quebrador de galho

Já deveria ter feito

Não precisa de dia

Duplicidade

Direto para a crítica

Recape de terrenos com mato

Não é atribuição do Executivo

Transforrmando a Prefeitura em fiscal federal

Transformando a Prefeitura em fiscal federal

Não é para vereador pedir

Desnecessário

Cortar mato

Conserto só de algumas

Tudo repetição

Nem que não houvesse crise

Vereador perdeu uma grande oportunidade

Prefeito não é subordinado

Dando ordem ao Executivo


 Rafael Domingos Militão

Não compete ao Legislativo

Já é municipal

Não é caso de indicação

Trabalho para os outros

Falta de competência

Contaminação

Absolutamente inadequado

A iniciativa deve ser do prefeito

Não é coisa para pedir

Não sei para que serve

Imposição indevida

Cumprimento impossível

Projeto que se anula automaticamente

Não concordo

Governos precisam ficar de fora


 Renan dos dos Santos

Transformando o público em privado

Instrumento de gestão

Imposição indevida

Projeto eleitoreiro

Vereadores não foram feitos para isso

Regulamentação desnecessária

Vereador não foi feito para isso

No lugar de pedir lombada

Câmara não é filial da Prefeitura

Imposição indevida

12 audiências públicas

Onde se viu isso

Só o Executivo

Manutenção de traves

Não é fazer pedidos como esse

Mais despesas

Não é função de vereador

Diretamente na Prefeitura

Para ficar isento de tributos

Desconto em troca de bem-estar animal

Projeto que não pode voltar nunca mais

Pode ter cunho eleitoral


 Rodrigo Maganhato

Deve depender de boa gestão

Para dar prestígio

Não é prioritário

Repetição indevida

Desconto não compensará

De que servirão as respostas

Muito menos atribuição à Câmara

Dados comprobatórios

Primeiros socorros em terminais

Denominação é ato de gestão

Seara alheia

Repetição

Inibir iniciativas

Crédito indevido

Parece eleitoreiro

Populismo

Para caberem dentro dos orçamentos

Cobrar fiscalização

Infindável assistencialismo

Viver de verbas privadas

Semana de Conscientização


 Vítor Alexandre Rodrigues

Vereador se enganou

Assunto de gestão

Papel de serviçal

Parece eleitoreiro

Pouco conhecimento sobre leis

Não haverá governo que suporte

Totalmente inadequado

Alimentação especial e diferenciada

Não será o tamanho da letra

Cuidador de idosos

Imposição indevida

Imposição indevida

Igualação indevida

Invasão de área


 Wanderley Diogo de Melo

Não a proteção aos artistas locais

Planta Genérica de Valores

Deveria ter protestado

Imposição indevida

Projeto eleitoreiro

Desvirtuamento de funções

Só da iniciativa do Executivo

Projeto impróprio

Fechamento adequado

Prefeito será um boneco

Protesto no lugar

Prefeitura já está inchada

Merenda nas férias

Não tinha que perguntar nada

Impondo obrigações


Página para Impressão Envie esta página para um amigo!



 
copyright (c) 2006 by Jornal Acorda Brasil // José Roberto Doubek Lopes ME // CNPJ - 07.793.117/0001-19 - IM - 10.224 – Piedade, SP
Contato: e-mail: contato@jornalacordabrasil.com.br || Fone: (15)99739-2480